FBN I História – Fontes mortas – Revista da Semana edição de 19/03/1929

imagem 2

“Tenho immensa pena das fontes que seccaram. Quem lhes tirou a agua, ou deixou que ella lhes ffugisse, devia tel-as, logo duma vez, destruido… Toda a fonte a que falta a agua fica a pedir que a derrubem e, separadas as pedras e esfarelada a argamassa do seu corpo inerte, atirem tudo isso ao esquecimento. Nada lhe pode attenuar o aspecto tragico de abandonada…”  

Assim, em 19 de março de 1929, em seu artigo intitulado ” Fontes mortas”, publicado na Revista da Semana, periódico dos mais vendidos da época, João Luso começava a externar sua preocupação com o abandono das principais fontes de água do Rio de Janeiro. Ainda longe de discutir a falta da água como bem precioso para a humanidade, o  articulista pretendia chamar a atenção para o descaso com os monumentos arquitetônicos e históricos representados pelas diversas fontes de água espalhadas pela área urbana.

rua da gloria

A matéria, que ocupa duas páginas da revista, fica mais interessante ainda por conter ilustrações representativas de diversas fontes, feitas por J. Sarmento. São retratadas pelo artista fontes como as do Campo de São Cristóvão, a da Praça XV de novembro, a da Praça 7 de março, a da avenida das Nações, além de majestosas e imponentes fontes de água como a da Rua da Glória, a da rua Frei Caneca, a da rua Riachuelo e a avenida das Nações.

primeiro de março

A narrativa de  João Luso compara as fontes do Rio de Janeiro com as europeias  e ressalta que apesar de sem uso (secas), resistem ao homem e a fúria da natureza.

avenida das nações

Para o autor, as construções “são vestígios de éras passadas, éras resplandescentes talvez, mas que hoje, sobre a melancolia da bica exhausta, se reconstituem aos nossos olhos como feitas apenas de miséria e dor… Fontes mortas que tristeza…lembram corações mais que martyrisados e mais que mortos, que já não tiveram lágrimas para chorar”.

Leia o artigo completo consultando a Hemeroteca Digital Brasileira: Página 1  , Página 2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: