Posts Tagged ‘Acervo FBN’

Documentos Literários | O Folclore nas Coleções da Divisão de Manuscritos

agosto 22, 2018

Em decreto de 1965, o Congresso Nacional instituiu o Dia do Folclore Brasileiro, comemorado a 22 de agosto. Por “folclore” entendem-se não apenas lendas e seres mitológicos, mas todo um conjunto de criações culturais referente a uma comunidade: danças, crenças, provérbios, adivinhas, festas populares, alimentos e medicina tradicional, entre várias manifestações.

O Brasil teve – e tem – inúmeros estudiosos que se distinguiram no campo do folclore, entre os quais o musicólogo Renato Almeida, os escritores Mário de Andrade e Marco Haurélio, a cantora Inezita Barroso (bibliotecária e doutora honoris causa em Folclore Brasileiro, que lecionou em Universidades) e aquele que é considerado o expoente máximo, Luís da Câmara Cascudo. Vários deles estão representados na Divisão de Manuscritos por meio de cartas, anotações e outros documentos.

Destacamos duas coleções cujos titulares foram eminentes folcloristas:

– A Coleção Nunes Pereira reúne cerca de 1430 documentos produzidos ou acumulados pelo veterinário e antropólogo Manuel Nunes Pereira (1893-1985), que viveu por muitos anos na região amazônica, entre os povos nativos, coletando informações sobre costumes, alimentação, imaginário. A coleção doada pelo titular inclui correspondência, pareceres, artigos, recortes de jornal, notas sobre etnologia.

– O Arquivo Arthur Ramos reúne cerca de 4.860 documentos produzidos ou acumulados pelo médico, etnólogo e professor Arthur Ramos (1903 – 1949): folhetos, recortes de jornal, anotações sobre psiquiatria, etnografia, folclore e ciências sociais, originais de artigos, fotografias, desenhos e uma extensa correspondência do titular e de terceiros. Em 2016, o Arquivo Arthur Ramos recebeu o diploma do programa Memória do Mundo da UNESCO, um reconhecimento do seu valor como patrimônio cultural.

Ambas as coleções podem ser consultadas na Divisão de Manuscritos. O Arquivo Arthur Ramos já está em boa parte disponível na BN Digital, proporcionando acesso remoto aos documentos textuais e ao valioso acervo fotográfico. Neste encontramos registros únicos de manifestações culturais nas décadas de 1930 e 1940, tais como as fotos do Carnaval baiano e dos artefatos aqui reproduzidos.

 

Para ter acesso ao acervo das coleções mencionadas acesse a BN Digital: http://bndigital.bn.gov.br/

Anúncios

FBN I 7 de novembro de 1901: nasce Cecília Meireles

novembro 7, 2017
Fonte: Wikipédia

Fonte: Wikipédia

Cecília Benevides de Carvalho Meireles nasceu na Tijuca, Rio de Janeiro, em 7 de novembro de 1901. Com apenas nove anos de idade, começou a escrever poesias.  Em 1913, ingressou na Escola Normal no Rio de Janeiro e passou a estudar línguas, literatura, música, folclore e teoria educacional.

Meireles publicou seu primeiro livro de poesias aos 19 anos, Espectros, um conjunto de sonetos simbolistas.  A escritora atuou, também, como jornalista, com publicações diárias sobre problemas na educação, e, em 1934, fundou a primeira biblioteca infantil do Brasil.

Curiosamente Cecília  Meireles faleceu, no Rio de Janeiro, dois dias após completar 63 anos, em 9 de novembro de 1964. Seu corpo foi velado no Ministério da Educação e Cultura. Em 1989, foi homenageada pelo Banco Central, com sua efígie na cédula de cem cruzados novos.

Em homenagem à escritora brasileira, a Fundação Biblioteca Nacional disponibiliza para consulta e download o manuscrito “Horário de Trabalho”, disponível em: http://bit.ly/2fmosst

‪#‎FBNnamidia‬
‪#‎bibliotecanacional‬
‪#‎fundacaobibliotecanacional‬

FBN | Publicações Centenárias – 02 de novembro de 1912 – Diccionario Contemporaneo

novembro 2, 2017
Revista Careta. 2/11/1912 N. 231

Revista Careta.
2/11/1912
N. 231

 

Em 2 de novembro de 1912, a Revista Careta publicou, em sua edição de número 231, o “Diccionario Contemporaneo”. Neste antologia, pode-se observar as acepções de ‘camaradagem’ como “o suburbio da amizade”; ‘diplomacia’ como “o caminho mais longe de um ponto ao outro” e ‘logar de perdição’ como “sitio onde não vamos mas onde encontramos nossos amigos”.

Para ler a seção completa, acesse: http://memoria.bn.br/docreader/083712/7878

Outras edições da revista Careta e de diversos outros periódicos podem ser encontradas na Hemeroteca Digital, em http://bndigital.bn.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia
#bibliotecanacional
#fundacaobibliotecanacional

FBN | 27 de outubro de 1912 – inaugurado o bondinho do Pão-de-Açúcar

outubro 27, 2017
Acervo FBN

Acervo FBN

Conhecido por ser um dos cartões-postais do Rio de Janeiro, a construção das obras do teleférico, com duração de 30 anos, foi autorizada em 1909 pelo Decreto Municipal no. 1260, de 29 de maio do mesmo ano. O trecho inicial do percurso, por sua vez, que ligava a Praia Vermelha e o Morro da Urca, foi inaugurado em 27 de outubro de 1912, quando subiram 577 pessoas ao Morro da Urca pelo preço de 2 mil réis pela viagem de ida e volta.

Acervo FBN.

Acervo FBN.

 

Para saber mais sobre o bondinho do Pão-de-Açúcar, visite: http://bndigital.bn.br/acervodigital

‪#‎bibliotecanacional‬
‪#‎FBNnamidia‬
‪#‎fundacaobibliotecanacional‬

FBN | 25 de outubro de 1936 – Hitler e Mussolini assinam aliança

outubro 25, 2017

Em sua edição de 26 de outubro de 1936, o jornal A Noite estampou a seguinte manchete:

Jornal A Noite 26/10/1936

Jornal A Noite
26/10/1936

“Pela paz na Europa
Firmado um pacto entre Italia e Allemanha

Os dois paizes reconhecem que o governo do general Franco conta com a maioria do povo hespanhol – havistaram-se Hitler e o conde Ciano”

Para ler a matéria na íntegra, acesse: http://memoria.bn.br/docreader/348970_03/36240

Outras edições do jornal A Noite podem ser encontradas na Hemeroteca Digital, no endereço http://bndigital.bn.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia
#bibliotecanacional
#fundacaobibliotecanacional

FBN | 24 de outubro – Criada, oficialmente, a Organização das Nações Unidas

outubro 24, 2017
Diário de Notícias. 25/10/1945

Diário de Notícias.
25/10/1945

A Organização das Nações Unidas (ONU) foi criada, oficialmente, em 24 de Outubro de 1945, data em que a sua Carta foi assinada pela maioria dos 51 Estados Membros fundadores, dentre eles França, China, Reino Unido, Estados Unidos e União Soviética.

Em 25 de outubro de 1945, o Diário de Notícias estampou, em sua primeira página, a seguinte manchete: “Entra em vigor a Carta das Nações Unidas”, fazendo menção ao acontecimento do dia anterior. Para acessar a publicação, clique em: http://memoria.bn.br/DocReader/093718_02/25050

Para explorar outras edições do Diário de Notícias e de outros periódicos, visite a Hemeroteca Digital em http://bndigital.bn.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia
#bibliotecanacional
#fundacaobibliotecanacional

FBN | Homenagem – 20 de outubro – Dia do Poeta

outubro 20, 2017

Celebrado em 20 de outubro, o Dia do Poeta foi criado em razão do Movimento Poético Nacional, que surgiu na mesma data, em 1976, na casa do jornalista, romancista, advogado e pintor brasileiro Paulo Menotti Del Picchia.

sem-titulo

Em homenagem aos poetas, a Biblioteca Nacional disponibiliza para consulta e download “Se uma gota de orvalho em meio ao oceano…”, de Adelina Lopes Vieira.

Para acessar o documento, clique em:
http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_manuscritos/mss_I_07_15_021/mss_I_07_15_021.pdf

Explore, também, o acervo digital em: http://bndigital.bn.br/acervodigital/

#FBNnamidia
#bibliotecanacional
#fundacaobibliotecanacional

FBN | 18 de outubro – Dia do Médico

outubro 18, 2017

medic

Em homenagem ao dia do médico, celebrado em 18 de outubro, a Biblioteca Nacional disponibiliza, para consulta e download, o livro “Dialogo da perfeyçam [e] partes que sam necessarias ao bom medico”, escrito por Afonso de Miranda, em 1562. Já na capa da obra, consta a seguinte informação:

Dirigido ao muyto alto & ferenifsimo Principe Rey dom Sebaftiam, primevro defte nome. Noffo fenhor.
Em Lixboa
Per Ioam Alvarez impreffor delRey.
Anno de MDLXII”

Para conhecer outras publicações referentes à história da medicina, explore o acervo digital em http://bndigital.bn.br/acervodigital/

#FBNnamidia
#bibliotecanacional
#fundacaobibliotecanacional

FBN | 16 de outubro de 1793 – morre Maria Antonieta

outubro 16, 2017

maria-antonieta2

Arquiduquesa da Áustria e rainha da França, Maria Antonieta era filha do imperador Francisco I da Alemanha e da imperatriz Maria Thereza, rainha da Hungria e da Boêmia. Casou-se com Luís XVI ao 14 anos, em 1770, sendo coroada junto ao marido apenas em 1774. Num primeiro momento, a delfina (herdeira) foi bem acolhida, apesar de ser estrangeira. A boa recepção, contudo, não durou muito tempo.

Conforme esclarece a Enciclopédia Brasileira Mérito: “Nada poderia salvar Maria Antonietta do odio popular que a perseguia. A passo e passo, a infeliz mulher havia de subir um doloroso calvario: foram as jornadas de Outubro de 1789, o 20 de Junho, o 10 de Agosto e por fim o 16 de Outubro, em que << assentada numa prancha com as mãos amarradas por uma corda segura pelo carrasco>>, ella foi ao supplicio. Expirou da maneira mais dura a sua levianidade, as suas fraquezas, e as suas inconsequencias anteriores; levaram-na a cadafalso tanto as calumnias da côrte como o furor revolucionario”.

maria-antonieta1
Para saber mais sobre a França Absolutista e a França pós-Revolução, acesse a BNDigital em: http://bndigital.bn.br/acervodigital/

#FBNnamidia
#bibliotecanacional
#fundacaobibliotecanacional