Posts Tagged ‘História’

Documentos Literários: Homenagem ao Pai da Aviação

julho 20, 2018

A Série Documentos Literários, colaboração da Divisão de Manuscritos, homenageia Santos Dumont no seu aniversário.

Alberto Santos Dumont (Palmira, atual Santos Dumont – MG, 20 de julho de 1873 – Guarujá, SP, 23 de julho de 1932) foi aeronauta e inventor. Apaixonado por tudo que fosse mecânico, desde pequeno fez experiências com balões, locomotivas e outros engenhos. A leitura das obras de Júlio Verne em muito contribuiu para seu desejo de criar uma máquina capaz de se deslocar pelo ar, e com Camille Flammarion ele estudou a história da navegação aérea, acabando por se decidir pela França como base para seus estudos, práticas e invenções.

 

Em 1900, Santos-Dumont já havia criado vários balões e dirigíveis e feito dezenas de voos experimentais, nem sempre bem sucedidos. Mas mesmo seus fracassos o levavam a ir mais além. Em 1901, com o balão conhecido como N.6, ele venceu o Prêmio Deutsch, que lhe valeu reconhecimento e fama em âmbito internacional.

O 14-Bis, construído após uma série de tentativas e erros, foi – segundo os pesquisadores do Instituto Histórico da Aeronáutica – o primeiro avião mais pesado que o ar a conseguir decolar por seus próprios meios. Com ele, Santos Dumont voou a três metros do solo, percorrendo mais de 60 m em apenas seis segundos, no dia 23 de outubro de 1906. No dia 12 de novembro, tendo introduzido melhorias e consertado avarias na máquina, voou 220 metros, na mesma localidade parisiense de Bagatelle, e venceu o Prêmio do Aeroclube da França.

Com a saúde em rápido declínio, o inventor, ainda assim, se dedicou a algumas experiências. Residindo na França, fez observações astronômicas — o uso de telescópio lhe valeu uma acusação de espionagem por parte dos vizinhos –, inventou um motor portátil para esquiadores e projetou uma casa em Petrópolis, hoje Museu Casa de Santos Dumont. Sua convicção inicial de que os aviões poderiam servir a fins militares foi rapidamente abalada ao vê-los, efetivamente, transformados em arma de guerra. Segundo alguns pesquisadores, seu suicídio se deveu, ou pelo menos foi apressado pela angústia de ver que seu invento seria utilizado na Revolução de 1932.

Em 1956, o Brasil comemorou o cinquentenário do primeiro voo com um “Ano Santos Dumont”. A Biblioteca Nacional fez uma exposição reunindo seu acervo documental e iconográfico, acrescido de obras emprestadas por colecionadores, da qual publicou um catálogo. O exemplar pertencente à Divisão de Iconografia foi digitalizado e se encontra disponível na BN Digital através do link

http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_iconografia/icon1282516.pdf

Anúncios

FBN | 14 de junho de 2018 – Começa a Copa do Mundo

junho 14, 2018

Em 13 de julho de 1930, há aproximadamente 88 anos, a 1ª edição da Copa do Mundo tinha seu início. No Brasil, os jornais estampavam manchetes sobre o evento e através deles é possível viajar na história e ver como o primeiro Mundial de futebol foi noticiado.

O periódico “A Noite”, em 9 de julho de 1930, chama atenção para o envolvimento que a competição estava gerando em seu título: “Para o campeonato mundial – É enorme o interesse que vem despertando a realização do melhor certame”.

No mesmo jornal, em 11 de julho, foram destacados: “Trabalho intenso, impressões optimas, e espectativas de duvida, receio mutuo e empenho maximo”

 

 

A publicação seriada “O Diário Carioca”, em 6 de julho, faz a cobertura da chegada da seleção ao Uruguai trazendo o perfil de alguns jogadores. No dia 12 de julho, aborda a data do 1º jogo do Brasil e noticia a transmissão das partidas pelo rádio.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Finalmente, o “Diário de Notícias” faz uma série de reportagens. No dia 7, traz uma entrevista com o chefe da embaixada brasileira falando sobre os motivos da participação do país no mundial. Dia 12 de julho, a notícia do início da Copa do Mundo rende a capa da seção de esportes, com o seguinte título: “Será inaugurada amanhã, com os jogos México x França e Estados Unidos x Belgica, a importante competição internacional de Montevidéo, em disputa do riquissimo trophéo denominado “Taça Mundial””. No dia seguinte, o jornal faz uma matéria falando das expectativas para o 1º jogo do Brasil. Dia 14, o dia do jogo, o jornal dedica uma página inteira à partida que aconteceria no dia e aos jogos que já ocorreram no dia anterior.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Para acessar os periódicos e navegar por eles clique nos links abaixo:

A noite:

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

O Diário Carioca:

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

Diário de Notícias:

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx…

FBN I 02 de outubro de 1932 – Revolução Constitucionalista

outubro 2, 2017

No dia 02 de outubro de 1932, o jornal O Imparcial publica na sua primeira página:

“A paz vai ser concluída – Telegrammas de ontem, á noite, dissipando nuvens de um dia de ansiedade, affirmam que está resolvida a pacificação do Brasil”

A Revolução Constitucionalista ou Guerra Paulista, movimento ocorrido no Estado de São Paulo, com objetivo da derrubada do Governo Provisório de Getúlio Vargas, iniciada em julho, terminou  em outubro de 1932, com a promulgação de uma nova consituição para o Brasil.

imparcial

Saiba mais sobre a Revolução Constitucionalista de 1932 acessando: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional

FBN | 24 de setembro de 1834: morre D. Pedro I

setembro 24, 2017

pedro I

Pedro I: Imperador do Brasil. 18?. [Acervo Iconográfico]

Filho de D. João VI e da Rainha Carlota Joaquina. D. Pedro I, imperador do Brasil, nasceu no dia 12 de outubro de 1798, em Lisboa. Em 1808, quando Portugal foi invadido por tropas francesas, D. Pedro I e toda a nobreza, fugiu para o Brasil.

Quando D. João VI foi forçado a voltar para Portugal por conta da Revolução do Porto, D. Pedro I ficou como príncipe-regente e precisou defrontar a insubmissão das tropas portuguesas e ameaças de rebeldes.

Mais tarde, na época em que a gestão portuguesa tentava privar a autonomia política brasileira, Pedro I declarou a Independência do Brasil. Posteriormente foi proclamado imperador ficando no poder até 7 de abril de 1831. No dia 24 de setembro de 1834, D. Pedro I morreu de tuberculose.

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional

 

 

FBN| 22 de setembro de 1959 – Santos Dumont é condecorado como Marechal-do-Ar

setembro 22, 2017

santos-dumont

Santos Dumont [Livro]: cinquentenário do primeiro vôo do mais pesado que o ar. 1956. [Acervo Iconográfico]

Em 22 de setembro de 1959, o Presidente Juscelino Kubitschek, por meio da lei nº 3.636, concede ao Tenente-Brigadeiro-do-Ar Alberto Santos Dumont o posto honorífico de Marechal-do-Ar.

“Lei nº 3.636, de 22 de Setembro de 1959

Concede ao Tenente-Brigadeiro-do-Ar Alberto Santos Dumont o posto honorífico de Marechal-do-Ar.

O Presidente da República,
Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º É concedido ao Tenente-Brigadeiro-do-Ar Alberto Santos Dumont o pôsto honorifico de Marechal-do-Ar.

Parágrafo único. No Almanaque do Ministério da Aeronáutica, para o efeito desta lei, será, feita, em caráter permanente, a devida alteração.

Art. 2º Esta lei entrará, em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Rio de Janeiro, 22 de setembro de 1959; 138º da Independência e 71º da República.

JUSCELINO KUBITSCHEK
Francisco de Mello. ”

Conheça um pouco mais sobre Santos Dumont acessando: http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_iconografia/icon1282516.pdf

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional

FBN | 19 de setembro de 1956: sancionada a lei que autoriza transferir a Capital Federal para Brasília

setembro 19, 2017

No dia 19 de setembro de 1956 foi decretada e sancionada a lei que autorizou a mudança da Capital Federal para a região do Planalto Central, em Brasília.

Pouco tempo depois, no dia 22 de setembro, o jornal Diario de Noticias publicou a seguinte matéria:

“MUDANÇA DA CAPITAL PARA O PLANALTO CENTRAL DE GOIÁS

DENOMINAR-SE-Á BRASÍLIA A NOVA SEDE DO GOVÊRNO

[…] A nova lei dá o nome de <<Brasilia>> à nova Capital Federal e determina que o Poder Executivo estabelecerá a forma de extinção da Comissão de Planejamento da Construção e da Mudança da Capital Federal, depois de transferidos os contratos por ela celebrados com terceiros para a responsabilidade da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil.”

paint

Diario de Noticias. Ano 1956\Edição 10392. [Acervo Hemeroteca Digital]

Leia a reportagem na íntegra acessando: http://memoria.bn.br/docreader/093718_03/53827

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional

FBN | A Revolta da Armada – 6 de setembro de 1893

setembro 6, 2017

armada.jpg

“Grave notícia se espalhou desde manhã cedo pela cidade: uma parte da força armada da nação se sublevara, e havia uma greve assustadora na estrada de ferro Central.

Nem tudo isso era verdade. Os sucessos ocorridos na estrada não tinham a gravidade que se anunciava; mas era certo que a esquadra se achava em atitude francamente hostil ao governo”.

Assim, a Gazeta de Notícias, de 7 de setembro de 1893, iniciava a matéria sobre a Revolta da Armada, rebelião da última década do século XIX, que evidenciou algumas das cisões da então incipiente República brasileira.

Veja a galeria de fotos completa: http://brasilianafotografica.bn.br/?p=2375

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional

FBN | 08 de agosto de 1945: A União Soviética declara guerra ao Japão

agosto 8, 2017

No dia 8 de agosto de 1945, a União Soviética declarou guerra ao Japão e iniciou o ataque a territórios sob o domínio nipônico. Com o lançamento de soldados soviéticos em Manchúria (localizada no nordeste da China mas ocupada por japoneses), os russos tinham como objetivo tomar o exército japonês.

Um dia após o acontecimento, o jornal Correio da Manhã estampou a seguinte capa:

“A Russia em guerra com o Japão

Iniciado o ataque pelos exércitos soviéticos

(…) O Q.G. do exército japonês na Mandchuria anuncia os Exércitos Vermelhos lançaram-se ao ataque contra os japoneses aos primeiros minutos de hoje. (…)

(…) A Rádio Hsiking transmitiu um comunicado do exército japonês em Kaangtung anunciando que as forças soviéticas lançaram-se repentinamente ao ataque contra os niponicos aos primeiros minutos de hoje. (…)”

russia declara guerra

Correio da Manhã. Ano 1945\Edição 15573. [Acervo Hemeroteca Digital]

Leia a matéria completa: http://memoria.bn.br/DocReader/089842_05/27207

Pesquise mais sobre a declaração de guerra da União Soviética ao Japão em nossa Hemeroteca Digital: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional #guerra #Rússia #Japão

FBN | 02 de agosto de 1934: Adolf Hitler se torna o führer da Alemanha

agosto 2, 2017

Há 83 anos, após o falecimento do marechal Von Hindenburg, Adolf Hitler assumiu o poder na Alemanha. Ele passou a se denominar Führer (Líder) pela junção das funções de presidente e chanceler, por meio de uma deliberação admitida pelo parlamento. Tal função foi confirmada quando, aproximadamente,  89,9% do eleitorado a consentiu através de um plebiscito. Apesar de sofrer com oposições à sua liderança, com o decorrer do tempo, Hitler soube utilizar seu poder para obter o apoio do povo.

No dia em que Hitler se tornou líder da Alemanha, o jornal A Noite trouxe a seguinte notícia em sua capa:

“Falleceu o marechal Von Hinderburg

Hitler assume a presidencia do Reich

Ordenado ao Exercito e á Armada allemães que prestem immediatamente juramento de fidelidade ao “Fuehrer””

hitler

Jornal A Noite. Ano de 1934/Edição 08148. Acervo Fundação Biblioteca Nacional

Leia a matéria na íntegra: http://memoria.bn.br/DocReader/348970_03/18900

Pesquise mais sobre Adolf Hitler nos periódicos disponíveis em nossa Hemeroteca Digital: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional #hitler #alemanha #história

 

FBN I História – 18 de Julho de 1841: Coroação do Imperador Dom Pedro II

julho 18, 2017
D. Pedro II - Coleção Thereza Christina Maria

D. Pedro II – Coleção Thereza Christina Maria

Aos 15 anos de idade, depois de uma manobra que oficializou a redução da sua maioridade, D. Pedro II foi coroado, em cerimônia solene, Imperador do Brasil.

O jornal Diário do Rio de Janeiro, na edição 00157, de 19 de julho de 1841 publicava a seguinte nota:

18 de julho – A SAGRAÇÃO E COROAÇÃO DO SENHOR D. PEDRO II

Teve logar a cerimônia augusta, a solemne invocação da divindade para que se digne derramar os thesouros de sua infinita bondade sobre o reinado do Sr. D. Pedro 2º, aclamado em 7 de abril de 1831 imperador do Brasil o seu defensor perpétuo; a consagração religiosa é um acto importante para o christão; a política fria e severa não a desdenha, pelo contrário a applaude e preside a ella…

 

Leia a matéria na integra: http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=094170_01&PagFis=24242

Foto: Paris [França : [s.n.], 1890]. Busto do Imperador idoso, voltado para a esquerda.

 http://objdigital.bn.br/objdigital2/acervo_digital/div_iconografia/icon852419/icon852419.jpg

 

‪#‎FBNnamidia‬
‪#‎bibliotecanacional‬
‪#‎fundacaobibliotecanacional‬