Posts Tagged ‘hemeroteca digital’

FBN | Segunda Guerra Mundial: Há 72 anos, o Japão se rendeu aos aliados

agosto 15, 2017

No dia 15 de agosto de 1945, após se ver completamente enfraquecido por terem sido lançadas bombas atômicas sobre as cidades de Hiroshima e Nagasaki e a União Soviética declarar guerra ao país, o imperador Hirohito anunciou a rendição japonesa, que acabou levando ao fim da Segunda Guerra Mundial. No Japão, o aniversário da rendição tem como data o dia 15 de agosto, por conta do fuso horário.

Nesse mesmo dia, o jornal A Noite estampava em sua capa a seguinte matéria:

“A ASSINATURA DA ATA DA RENDIÇÃO”

“(…) Em tôdas as partes do mundo, hoje, o povo está celebrando a volta dos homens à paz, depois de seis anos de luta contínua.
E não apenas nas capitais dos países aliados ou neutros, mas em milhares de pequenas cidades, espalhadas pelos Continentes, e em centenas de postos militares, navais e aéreos disseminados nos antigos e atuais teatros de guerra, Manifestações de regosijo se verificam, notadamente na “Jungle” da Birmânia, nas terras libertadas da China, nas ilhas-bases do Pacífico, a bordo dos navios de guerra aliados nas águas do Grande Oceano.”

rendição japonesa

Jornal “A Noite (RJ)”. Ano 1945\Edição 12032. [Acervo Hemeroteca Digital]

Leia a matéria na íntegra: http://memoria.bn.br/docreader/348970_04/35492

Pesquise mais sobre a rendição do Japão nos periódicos disponíveis em nossa Hemeroteca Digital: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional #Japão #SegundaGuerraMundial

 

FBN | Série Reclames – Agosto de 1917

agosto 12, 2017

Há pouco mais de 100 anos, no dia 11 de agosto de 1917, a Revista da Semana (RJ) trazia em suas páginas diversas propagandas de produtos comercializados na época. Veja como os itens eram divulgados:

sabão

Revista da Semana (RJ). Ano 1917\Edição 00027. [Acervo Hemeroteca Digital]

seios

Revista da Semana (RJ). Ano 1917\Edição 00027. [Acervo Hemeroteca Digital]

roupas

Revista da Semana (RJ). Ano 1917\Edição 00027. [Acervo Hemeroteca Digital]

Para ler a edição completa, acesse: http://memoria.bn.br/docreader/DocReader.aspx?bib=025909_01&PagFis=27466&Pesq=

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional

FBN | 1ª Guerra Mundial: Há 103 anos, a Alemanha declarou guerra à Rússia

agosto 1, 2017

No dia 1º de Agosto de 1914, a Alemanha declarou guerra à Rússia, quatro dias após a Áustria-Hungria ter declarado guerra à Sérvia. No mesmo dia, a França determinou que suas forças armadas fizessem uma concentração geral. Começavam, então, os primeiros indícios do começo da primeira guerra mundial, que mobilizou 70 milhões de soldados, deixando, aproximadamente, 10 milhões de mortos e 20 milhões de feridos.

Um dia após a Alemanha ter declarado guerra à Rússia, o jornal O Paiz trouxe a seguinte capa:

“Uma grande catastrophe
A Europa conflagrada
A Allemanha declara guerra á Russia

E’ já inevitavel o formidavel choque de armas, tão temido, tão esperado.”

alemanha declara guerra a russia

Jornal O Paiz (RJ). Ano 1914/Edição 10891. Acervo Fundação Biblioteca Nacional

Leia a matéria completa em: http://memoria.bn.br/DocReader/178691_04/24057

Pesquisa mais sobre a primeira guerra mundial nos periódicos disponíveis em nossa Hemeroteca Digital: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/

#FBNnamidia #bibliotecanacional #fundacaobibliotecanacional #primeiraguerramundial

 

FBN | 28 de julho de 1938, morre Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião

julho 28, 2017
Retrato de Lampião - Revista o Cruzeiro

Retrato de Lampião – Revista o Cruzeiro

Embora não haja um consenso sobre sua data de nascimento, Virgulino Ferreira da Silva, mais conhecido como Lampião, morreu em 28 de julho de 1938, no Sergipe.  Também apelidado de “rei do cangaço” e “governador do sertão”, Virgulino, na companhia de seus seguidores, atuou numa época em que o sertão nordestino era dominado pela figura dos coronéis — grandes proprietários de terra —, que, não raro, agiam por cima da lei (fonte: http://basilio.fundaj.gov.br/).

A revista “O Cruzeiro”, em sua edição do dia 31 de março de 1962, traz uma reportagem sobre o cangaceiro intitulada “Na trilha de Lampião”, em que é narrada parte de sua trajetória. Para acessá-la em nossa Hemeroteca Digital, clique em: http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=003581&PagFis=142096

Lampião - Acervo Biblioteca Nacional

Lampião – Acervo Biblioteca Nacional

A BNDigital disponibiliza, também, para consulta e download, uma fotografia de Virgulino Ferreira da Silva: http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_iconografia/icon1267163/icon1267163.htm.  Para explorar o acervo da BNDigital, visite: http://bndigital.bn.br/acervodigital/

#‎FBNnamidia‬ ‪#‎bibliotecanacional‬ #‎fundacaobibliotecanacional‬

FBN | Documento da Semana: 01 de julho de 1994: Brasil adota o Real como nova moeda.

julho 1, 2017

plano real

Após décadas de instabilidade monetária o Brasil substituiu o Cruzeiro Real pela nova moeda, o Real, com promessa de estabilidade e equiparação ao dólar.

O documento é a manchete do jornal Tribuna da Imprensa, edição 13544, de 01 de julho de 1994, destacando o dia de lançamento da nova moeda brasileira.

http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=154083_05&PagFis=25618

 

FBN | 28 de junho de 1919: a Alemanha assina o Tratado de Versailles

junho 28, 2017
 
Em 29 de junho de 1919, o jornal Correio da Manhã publicou a seguinte capa:
 
“28 de junho de 1914 o assassinato do herdeiro do throno austro-hungaro lançava o rastilho da guerra mundial
 
Cinco annos depois assina-se, no mesmo dia, o Tratado de Paz”
 

FBN | História – 18 de junho de 1908 o navio Kasato-Maru, chega ao Brasil com os primeiros imigrantes japoneses

junho 18, 2017
Foto: Gazeta de Notícias - 21/03/1917

Foto: Gazeta de Notícias – 21/03/1917

Dia 18 de junho de 1908, o navio Kasato Maru atracou em Santos em com os primeiros 781 imigrantes japoneses, de 165 famílias para o Brasil. Segundo registros históricos,  os imigrantes do Kasato Maru seguiram imediatamente para São Paulo,  e de lá foram levados para as fazendas de café da Alta Sorocabana.

No dia 16 de agosto do mesmo ano, o jornal Gazeta de Notícias destinava boa parte da página 3 um artigo alusivo aos acontecimentos que sucederam a chegada dos primeiros imigrantes japoneses:

“A Bordo do Japonez

…Partindo há 40 dias de Yokoama deixou em Santos cerca de 700 emigrantes. São esses os primeiros amarellos que vêe, em terras do sul, em procura de vida fácil que não mais se encontra, nas três mil ilha do Japão…”

Continue lendo a matéria sobre a chegada dos imigrantes japoneses no Brasil:

http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=103730_04&PagFis=18023

Pesquise mais sobre a história da imigração japonesa nas páginas dos periódicos da Hemeroteca Digital: http://bndigital.bn.br/hemeroteca-digital

‪#‎FBNnamidia‬
‪#‎bibliotecanacional‬
‪#‎fundacaobibliotecanacional‬

 

 

 

FBN I 12 de junho – Dia dos Namorados

junho 12, 2017
Virgínia Vitorino - A poetisa dos Namorados

Virgínia Vitorino – A poetisa dos Namorados

O Dia dos Namorados em alguns países é chamado de “Dia de São Valentim” e é  comemorado no dia 14 de Fevereiro. No Brasil a data é comemorada no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio.

Segundo historiadores, Valentim, que era bispo,  não acatou as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras. Mesmo sob o risco de prisão, continuou celebrando casamentos,  até ser preso e condenado à morte. Na prisão, recebia muitos bilhetes e flores de jovens dizendo que ainda acreditavam no amor.  Antes de sua morte, apaixonou-se  pela filha cega de um carcereiro, que “por milagre”, recuperou a visão, para quem escreveu uma mensagem de adeus, na qual assinou como “Seu Namorado”.

Desde primórdios da humanidade, o ato de namorar, recebeu diversos significados e representações. No acervo da Biblioteca Nacional, existem inúmeras obras que versam sobre o tema.

Para marcar a data, a BN disponibiliza uma série de versos extraídos do livro “Namorados”, da poetisa Virgínia Vitorino, cujo original é datado de 1918. Virgínia Villa Nova de Sousa Vitorino, poetisa e dramaturga portuguesa do século XX, foi homenageada na edição abril 9 de 1921 da Revista da Semana que publicou em uma página inteira dois poemas do livro de Virgínia Vitorino à quem, atribuíram, o título de de “A poetisa dos Namorados”.

 

SAMSUNG CSC

SAMSUNG CSC

SAMSUNG CSC

SAMSUNG CSC

SAMSUNG CSC

#‎FBNnamidia‬
‪#‎bibliotecanacional‬
‪#‎fundacaobibliotecana‬cional


 

 

FBN | 1° de junho de 1926: nasce Marilyn Monroe

maio 31, 2017

Nascida em 1° de junho de 1926, na cidade de Los Angeles, Norma Jean Mortenson, foi uma atriz e modelo estadunidense, que atingiu o estrelato, sobretudo, na década de 1950. Nessa época, após figurar em papeis menores nos filmes O Segredo das Joias (1950) e A Malvada (1950), sua carreira como atriz ascendeu a partir de atuações em filmes como O Segredo das Viúvas (1951), O Inventor da Mocidade (1952) e Torrente de Paixão (1953).

 

 

Em homenagem à Marilyn Monroe, que permanece, até os dias de hoje, como um símbolo da Cultura Pop, a Fundação Biblioteca Nacional disponibiliza a reportagem “A mulher mais imitada do mundo”, publicada pela revista Careta em 26 de fevereiro de 1955.

 

 

Para acessar a matéria, clique em: http://memoria.bn.br/DocReader/083712/100927

Conheça mais sobre a vida da atriz acessando a Hemeroteca Digital em: bndigital.bn.br/hemeroteca-digital/

 

 

FBN | Série Periódicos Brasileiros – Diario de Noticias

maio 15, 2017

O Diario de Notícias foi um matutino de tamanho standard lançado a 12 de junho de 1930 no Rio de Janeiro (RJ), por três jornalistas egressos de O Jornal, dos Diários Associados: Orlando Ribeiro Dantas (o regente da iniciativa e diretor da nova folha), Nóbrega da Cunha e Alberto Figueiredo Pimentel Segundo. Inicialmente propriedade de uma sociedade anônima presidida por Manoel Magalhães Machado, com Aurélio Silva como secretário, o periódico surgiu moderno e arrojado, contextualizado na guinada que consolidou a estrutura empresarial na imprensa brasileira. Após se firmar como um dos mais importantes diários do jornalismo brasileiro, tendo apoiado e, sobretudo, combatido a política de diversos governos distintos, ocasião em que se mostrou ambivalente, circulou até novembro de 1976, após falhar em seu projeto de colher dividendos ao adotar uma linha favorável ao governo militar instaurado com o golpe de 1964.

Leia mais em: http://bndigital.bn.gov.br/artigos/diario-de-noticias-rio-de-janeiro-1930/

#FBN #BN #PeriódicosBrasileiros #DiariodeNoticias